A Garganta da Serpente
Encantadores de Serpentes concursos e prêmios literários
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa 2017

António Ramos Rosa nasceu em Faro, a 17 de outubro de 1924. O Grito Claro (1958), foi primeiro livro publicado pelo poeta, em Faro. É também na cidade algarvia que António Ramos Rosa iniciou a sua carreira literária como poeta e como ensaísta crítico. De 1951 a 1953, fundou e coordenou a revista Árvore e após proibição desta, duas outras revistas – A Cassiopeia (1955) e os Cadernos do Meio-Dia (1958-60). Vasta é, sem dúvida, a sua produção literária. Numa folha, leve e livre, é a sua última obra publicada, em 2013, precisamente no ano em que vem a falecer.

António Ramos Rosa destacou-se, desde a década de 50, como uma das vozes mais graves e mais sérias da nossa poesia e crítica literária de todos os tempos.

Considerando as atribuições que estão acometidas às Autarquias Locais, de âmbito cultural, a Câmara Municipal de Faro, por reconhecer que a poesia é um ramo da arte de grande prestígio a nível regional e nacional, decidiu promover um Prémio Nacional que, ao mesmo tempo que homenageia um Poeta nascido em Faro e um vulto maior do panorama poético nacional e internacional, procura promover o aparecimento de novos poetas, mas também de reconhecer o labor dos já consagrados.

Art.º 1º - Entidade Promotora.:

O Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa é uma iniciativa da Câmara Municipal de Faro com o apoio de entidades públicas ou privadas que a ele se queiram associar.

Art.º 2º - Objetivo e Periodicidade.:

1- O Prémio destina-se a galardoar um livro de poesia em português, publicado integralmente, em 1ª edição, com data referente ao ano anterior da presente edição do Prémio.

2 – O Prémio tem periodicidade bienal.

Art.º 3º - Valor do Prémio.:

O valor do prémio é de €5000 (cinco mil euros), a ser entregue em cerimónia pública.

Art.º 4º - Candidaturas.:

1 - Serão admitidos a concurso todos os cidadãos nacionais ou estrangeiros, desde que apresentem a obra em Língua Portuguesa.

2 – Para cada obra deverá ser apresentada uma candidatura própria, enviada separadamente.

3 – De cada livro concorrente deverão ser entregues 4 exemplares, que serão devolvidos apenas caso não sejam admitidos a concurso. Os exemplares destinam-se aos membros do júri (3) e Biblioteca Municipal António Ramos Rosa (1).

4 – Para efeitos de candidatura é obrigatório o preenchimento do Formulário de Candidatura, disponibilizado no site do Município de Faro e em papel, na Biblioteca.

4.1 - As obras concorrentes deverão ser remetidas, por correio registado e com aviso de receção, para Biblioteca Municipal de Faro – Rua Carlos Porfírio 8000-241 Faro, com indicação Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa ou em alternativa, entregues pessoalmente na Biblioteca Municipal de Faro, acompanhados do Formulário de Candidatura.

5 – Não são admitidas a concurso obras a título póstumo.

Art.º 5º - Prazo de Candidatura e Divulgação.:

1 – As candidaturas estarão abertas em prazo a definir, divulgadas junto com estas Normas, através dos meios de Comunicação Social, Site do Município de Faro e associações de escritores.

2 - O prazo de entrega das candidaturas acaba no dia que vier a ser fixado para termo da sua apresentação. No caso das obras enviadas pelos serviços dos correios, será considerada a data do carimbo dos CTT desse mesmo dia.

3 – Uma vez entregue a candidatura, considera-se que o concorrente conhece e aceita todas as normas aqui definidas.

Art.º 6º - Júri.:

1 - O prémio será atribuído por um júri composto por 3 elementos, a designar pela entidade promotora e os eventuais parceiros, com base em critérios de reconhecida idoneidade cultural e intelectual.

2 – Não podem fazer parte do Júri quaisquer intervenientes, diretos ou indiretos, nas obras a concurso.

Art.º 7º - Apuramento e Classificação.:

1 - Os serviços da Unidade de Bibliotecas e Arquivos procederão à admissão das obras de acordo com os requisitos pré-definidos nestas normas.

2 - As obras admitidas a concurso serão entregues ao Júri que disporá de 60 a 90 dias para deliberar, a partir da data limite de entrega das candidaturas, reunindo nesse período de tempo as vezes que entender necessárias.

3 - O Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa será atribuído a um único livro e não ao conjunto da obra do seu autor. A deliberação é tomada por maioria simples, excluindo-se sempre as posições de abstenção.

4 - São excluídas as possibilidades de atribuição a prémios ex aequo e de menções honrosas.

5 - O Júri pode propor a não atribuição do Prémio por falta de qualidade das obras concorrentes.

6 - Tomada a decisão, de que não cabe recurso, o Júri lavrará uma acta final que, em anexo, conterá as declarações de voto de cada um dos membros, e a sua proposta para homologação pelo executivo municipal.

7 - Da classificação homologada não haverá direito a recurso.

Artº 8º - Anúncio da Deliberação do Júri.:

1 - A decisão do júri será tornada pública através dos órgãos de comunicação social e no site do Município de Faro.

2 - O autor premiado será notificado da deliberação do júri por carta ou correio eletrónico.

Artigo 9º - Entrega do Prémio.:

A entrega do Prémio ao autor galardoado ocorrerá em cerimónia pública, em data a definir oportunamente.

Artigo 10º - Dúvidas e Omissões.:

1 – Para qualquer esclarecimento sobre o estabelecido nas presentes normas poderão ser contactados os serviços da Biblioteca Municipal de Faro, Rua Carlos Porfírio, 8000-241 Faro Tel. 289 870000; e-mail: biblioteca.arquivo@cm-faro.pt

2. - Todos os casos omissos serão deliberados pelos promotores do Prémio.

Art.º 11º - Norma Revogatória.:

Com a entrada em vigor das presentes Normas de Participação, são revogadas as Normas aprovadas pela Câmara Municipal de Faro em 28/05/2015.

MAIS INFORMAÇÕES.:

Biblioteca Municipal de Faro:
Rua Carlos Porfírio,
8000-241 Faro - Portugal



ATENÇÃO: as informações aqui divulgadas são de inteira responsabilidade dos organizadores dos concursos. Para mais informações ou esclarecimentos, entre em contato com os mesmos. A Garganta da Serpente apenas faz a divulgação.
legenda dos ícones:
  • novo concurso
  • prazo prorrogado
  • com taxa de inscrição
  • premiação em dinheiro
  • premiação em livros/publicação
lista
Seja avisado sempre que a seção dos Encantadores de Serpentes for atualizada

somente texto HTML



Siga nosso Twitter:
Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente