A Garganta da Serpente
Encantadores de Serpentes concursos e prêmios literários
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

19º Festival Maranhense de Poesia

25 poesias, escolhidas nas cinco eliminatórias pelos júris técnicos e popular, foram julgadas nesta sexta-feira, 21, pelos méritos literário e de interpretação cênica.

Pelo julgamneto do mérito literário, cujo júri foi formado pela professora e poetisa Sônia Almeida e pelos peotas Hagamenon de Jesus e Laura Amélia Damous Duailibe, o grande vencedor foi o jovem poeta Bioque Mesito com o poema "Odisseia do Nada Registrado". O júri premiou ainda Charle Melo, em segundo lugar, pelo poema "Toda a Chatice do monólogo de quem vive só"; "Crianciando", do poeta José Ribamar Feitosa, em 3º lugar.

O Júri Técnico do Mérito Literário atribuiu duas Menções Honrosas para os poema"Eixo", de Bruno Soares Ferreira; e "O Poema Rosa", de Ruber Paulo da Silva Marques.

Interpretação

Pelo julgamento da performance de interpretação, cujo júri foi formado pelos atores José inácio de Moraes Rêgo, Cassias Pires e Rosa Ewerton, a melhor performance foi dividida para as interpretações de Geisa Adréa Lima Chagas e Tatiane Soares, que interpretaram os poemas "Escrava", de sua autoria; e "Odisséia do nada registrado", de Bioque Mesito, respectivamente.

O Júri da Performance de interpretação atribui também três Menções Honrosas para as interpretações de Raimundo Reis, pelo poema "Fotografia", de Marcelo Sampaio Bonates dos Santos; do Grupo Atmosfera, pela interpretação do poema "A Margem", de Antonio Benedito da Costa Chaves; e para Charle Melo, pela interpretação do poema "Toda Chatice do monólogo de quem vive só", de sua autoria.

Julgamento popular

O público presente ao Teatro João do Vale também teve oportunidade de indicar qual foi a melhor interpretação fo festival, tendo sio escolhido o interprete do poema "A Procura da Poesia", de Francinete Braga, do oriunda do município de Pedreiras.

As 25 poesias, escolhidas nas cinco eliminatórias pelos júris técnicos e popular, foram julgadas pelos méritos literário e de interpretação cênica. O Festival é promoção da Universidade Federal do Maranhão, (Departamento de Assuntos Culturais/PROEX) e Governo do Maranhão (Secretaria deCultura).

O 19º Festival Maranhense de Poesia apesar de ter tido o seu projeto aprovado pelo Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura para captar recursos financeiros para a sua realização, não não teve nenhuma captação, informou o diretor do DAC/PROEX/UFMA, Euclides Moreira Neto, que acrecentou que o único apoio conseguido foi viabilizado pelo Consórcio ALUMAR que viabilizou a premiação do festival, que manteve viva, assim, a chama da tradição literária maranhense.

Por meio deste importante Festival, o Departamento de Assuntos Culturais/PROEX da UFMA, vem revelando novos talentos na literatura brasileira. Ponto de encontro dos novos poetas do Maranhão, o Festival Maranhense de Poesia completará no ano que vem, 20 anos de vida e tradição literária.

Segundo o Coordenador do Festival, Professor Euclides Moreira Neto, “o julgamento da melhor interpretação foi feito por um júri composto por pessoas atuantes no meio teatral local, onde foram observados os critérios da dicção e postura cênica. A comissão julgadora de interpretação funcionou em todas as eliminatórias, formada também por um júri de três a cinco pessoas”. A comissão literária escolheu os três melhores poemas, atribuindo duas menções honrosas.

O troféu outorgados aos vencedores do 19º Festival Maranhense de Poesia é de autoria do artista plástico e designer Eduardo Sereno e foi inspirada no poeta José Chagas, um dos maiores nomes da literatura maranhense da atualidade.

Os vencedores do 19º Festival Maranhense de Poesias receberam os seguintes prêmio em moeda corrente: 1º Lugar, R$ 600,00 (seiscentos reais) e Troféu José Chagas de Poesia; 2º Lugar - R$ 400,00 (quatrocentos reais) e Troféu José Chagas de Poesia; 3º Lugar - R$ 200,00 (duzentos reais) e Troféu José Chagas de Poesia; Melhor Intérprete do Júri Técnico - R$ 500,00 (quinhentos reais) e Troféu e Melhor Intérprete do Júri Popular - R$ 300,00 (trezentos reais) e Troféu.

Homenageado

Na 19 edição do festival de poesia, o grande homenageado foi o Grupo GAMAR (Grupo de Arte Maria Aragão), formado de jovens estudantes do bairro da Cidade Operária que estudam na Unidade Escolar Maria Aragão. Segundo o diretor do DAC, Euclides Moreira Neto, essa homenagem é o reconhecimento pelo trabalhoeficiente que vem sendo desenvolvido no Grupo GAMAR sobre o comando do Prof. Wilson dos Santos Chagas há quatro anos naquele bairro periférico da capital maranhense.

Premiados no 19º Festival Maranhense de Poesia

a) JULGAMENTO DO MÉRITO LITERÁRIO
1º LUGAR: ODISSÉIA DO NADA REGISTRADO, de Bioque Mesito
2º LUGAR: TODA A CHATICE DO MONÓLOGO DE QUEM VIVE SÓ, de Charle Melo;
3º LUGAR: CRIANCIANDO, de José Ribamar Feitosa

MENÇÕES HONROSAS:
EIXO, de Bruno Soares Ferreira
O POEMA ROSA, de Ruber Paulo da silva Marques

b) JULGAMENTO DA PERFORMANCE DE INTERPRETAÇÃO (O JÚRI DIVIDIU O PRÊMIO ENTRE)
GEISA ANDRÉIA LIMA CHAGAS, pela interpretação do poema "ESCRAVA", de sua autoria; e TATIANE SOARES, pela interpretação do poema "ODISSÉIA DO NADA REGISTRADO", de Bioque Mesito.

MENÇÕES HONROSAS:
RAIMUNDO REIS, pela interpretação do poema"FOTOGRAFIA", de Marcelo Sampaio Bonates dos Santos; GRUPO ATMOSFERA, pela interpretação do poema "A MARGEM", de Antonio Benedito da Costa Chaves; e CHARLES MELO, pela interpretação do poema "Toda Chatice do Monólogo de quem vice só", de sua autoria.

c) JÚRI POPULAR
Escolheu o interprete do poema "A Procura da Poesia", de Francinete Braga (Pedreiras-MA).

EIS A RELAÇÃO COMPLETA DAS 25 POESIAS CONCORRENTES:

1 - BARCO NEGRO
Junerley Kadiweu Dias Moraes

2 - CINCO SEGUNDOS ETERNOS
Érica Sales de Araújo Costa

3 - LABOR ARTE
Moisés Abílio Costa

4 - TRAVESSA DOS BARQUEIROS
Orlando Brito

5 - NÃO HÁ
Noan Castro Freire Moares

6 - FELÍCIA
Carolina Guerra Libério

7 - MENINOS, MENINAS E PIPAS...
Angelo Pessoa Martins

8 - INTERPOLAÇÃO
Couto Corrêa Filho

9 - *EXISTENCIALISMO
Flávia Leite

10 - *A PROCURA DA POESIA
Francinete Braga

11 - EXUMAÇÃO DE IMAGENS
José Sousa Xavier

12 - CRIANCIANDO
José Ribamar Feitosa

13 - EIXO
Bruno Soares Ferreira

14 - *ESCRAVA
Geisa Andréa Lima Chagas

15 - *À MARGEM
Antônio Benedito da Costa Chaves

16 - O POEMA ROSA
Ruber Paulo da Silva Marques

17 - ODISSÉIA DO NADA REGISTRADO
Bioque Mesito

18 - OUTRAS DUAS COISINHAS QUE DEIXAM A GENTE FELIZ!
Priscilla Souza dos Santos

19 - CRIANÇA NO CHÃ O DA MANHÃ
Patrícia Ribeiro Azevedo

20 - *FESTA NO MARANHÃO
Delcimar Moreira Matias

21 - TODA A CHATICE DO MONÓLOGO DE QUEM VIVE SÓ
Charles Melo

22 - TEORIA INTIMISTA
Márcio Rodrigues Cruz

23 - DEUS NA TERRA
Adriana Sousa do Nascimento

24 - *TRANSE
José Serra Júnior

25 - *FOTOGRAFIA
Marcelo Sampaio Bonates dos Santos


(*) classificados pelo mérito interpretativo.

MAIS INFORMAÇÕES.:

Telefone: (98) 3231-2887 / 3232-3901.

Site: http://www.festivalguarnice.ufma.br



ATENÇÃO: as informações aqui divulgadas são de inteira responsabilidade dos organizadores dos concursos. Para mais informações ou esclarecimentos, entre em contato com os mesmos. A Garganta da Serpente apenas faz a divulgação.
legenda dos ícones:
  • novo concurso
  • prazo prorrogado
  • com taxa de inscrição
  • premiação em dinheiro
  • premiação em livros/publicação
 
lista
Seja avisado sempre que a seção dos Encantadores de Serpentes for atualizada

somente texto HTML



Siga nosso Twitter:
Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente