A Garganta da Serpente
Adoradores de Serpentes poemas sobre ofídios
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

Poeminha do Paraíso

dou-me
que teu poema é canto
laço e nó
seduz sem aviso
encanta e me prende
ao cabo de um dia
sou doce maçã

e
tua serpente


Eliana Mora

Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com