A Garganta da Serpente
Adoradores de Serpentes poemas sobre ofídios
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

a serpente

sentada em um trono de absurdos
ela observa
calma
pura
sublime

o ir e vir

da maré de meus desejos


Alexandre da Conceição

Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com